No dia 24 de janeiro, aconteceu o segundo encontro da chamada pública Circuito LABxS (Lab Santista). Durante o encontro, os interessados em inscrever iniciativas utilizaram o espaço para expor suas dúvidas e compartilhar ideias com a equipe do Instituto Procomum.

Oficina de Elaboração de Projetos - Circuito LABxS - 24/01/2017 - Estação da Cidadania 7

Aproveitamos a oportunidade e listamos as principais dúvidas surgidas durante o encontro. Confira:

Meu projeto não é sobre a temática de gênero ou racial. Posso participar da chamada pública?

Sim. A questão de gênero, racial e territorial não é excludente e sim afirmativa. Ou seja, parte do princípio que, normalmente, seleções contemplam menos projetos enviados por mulheres, negros e indígenas. Não será o nosso caso.

A questão territorial também é um recorte na seleção. Projetos criados por moradores de bairros periféricos ou ações e iniciativas nesses bairros serão valorizados.

A ideia é dar visibilidade para esses grupos e não excluir outros projetos.

É necessário informar a data exata para realização das minhas ações?

Não. Uma das exigências da chamada pública é que seja realizada e documentada uma atividade entre o dia 3 de março e 24 de abril. Mas não é necessário informar agora qual a data da realização. O inscrito pode, por exemplo, explicar que realizará uma atividade no mês de março e outra no mês de abril.

Preciso publicar uma planilha de custo da minha iniciativa?

Não. O Instituto Procomum não exige prestação de contas financeira. A relação com os vencedores será baseada na confiança: A única prestação é a realização da atividade.

Os recursos serão distribuídos antes da ação porque o IP entende que a maioria das pessoas depende da verba para realizá-la.

Circuito LABxS recebe inscrições até o dia 3 de fevereiro de 2017

Qual a importância de documentar a minha ação?

Fundamental. A documentação é um critério de seleção dos projetos. Também serão valorizados os projetos que conseguirem transformar essa documentação em uma metodologia.

Ou seja, como o conhecimento que você possui pode criar tecnologias cidadãs e ajudar outros projetos e iniciativas?

O que preencher em “Preciso de apoio técnico?

O campo é destinado para projetos e ações que necessitem de algum tipo de apoio ou suporte da equipe do Instituto Procomum. Como a interlocução para uso do espaço público ou espaço físico para realização da atividade, por exemplo.

E o campo “Áreas de Atuação”?

O campo de atuação é aberto. Pensemos que é um projeto de uma horta comunitária. Quais seriam os campos de atuação? Meio ambiente; Agricultura orgânica; Economia Solidária; Ação Comunitária.

Posso alterar um projeto já enviado?

Sim. A equipe do Instituto Procomum recomenda que os interessados realizem a inscrição novamente.

O IP vai emitir algum tipo de documento para os vencedores?

Os selecionados vão receber uma declaração do Instituto Procomum.