Conversatório: Cultura e território; um bate papo sobre cultura e cidade na sede do Lab Santista

Na quinta-feira, 12/4, às 12h, na sede do Lab Santista (rua Sete de Setembro, 52) receberemos as parceiras Lia Baron e Danielle Nigromonte, respectivamente Diretora de Planejamento e Subsecretária de Cultura de Niteroí para conversar sobre cultura, cidade, território e sua relação com política cultural.

Dani e Lia tem vasta experiência com políticas publicas de cultura na cidade e como a atuação e em rede pode potencializar as ações nos territórios. Gostou? Quer saber mais? Vem pra roda com a gente!

Seguem as minibios:

Lia Baron é doutora em Literatura, Cultura e Contemporaneidade (PUC-Rio), mestre pelo Programa Crossways in European Humanities (Erasmus Mundus), com estágios em universidades na França, Itália e Portugal, e bacharel em Comunicação Social (UFF). Jornalista, pesquisadora e gestora pública, nos últimos anos foi Subsecretária de Cidadania e Diversidade Cultural da Prefeitura do Rio de Janeiro. Realizou consultorias para a UNESCO e o Ministério da Cultura, atuou na Funarte, na Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia – RJ e na Secretaria Municipal de Cultura de Niterói. Foi sócia-diretora da Coletiva Projetos Culturais. Atualmente é Diretora de Planejamento e Projetos Especiais na Fundação de Arte de Niteroi.

Danielle Nigromonte é mestranda no Programa de Gestão em Bens Culturais e Projetos Sociais na FGV/CPDOC tendo como objeto de pesquisa mecanismos de fomento à cultura no país. Na Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro assumiu a função de Gerente de Investimentos Não-Reembolsáveis da RioFilme sendo responsável pelo planejamento, execução e acompanhamento do Programa de Fomento ao Audiovisual Carioca através de editais públicos, implantação e gestão de cinemas nas comunidades do Rio de Janeiro (Rede CineCarioca) e desenvolvimento da economia criativa na cidade por meio do investimento em produção, comercialização, capacitação, eventos setoriais, promoção e infraestrutura em audiovisual. Em 2012 é alçada a Subsecretária Municipal de Cultura do Rio de Janeiro ficando no cargo até setembro de 2015. Foi responsável pela formulação, execução e avaliação da política pública de cultura na cidade; planejamento das ações culturais e administrativas da instituição e promoção do desenvolvimento da cultura carioca, considerando a dimensão simbólica, econômica e cidadã das diversas atividades e expressões culturais. Hoje está à frente da Subsecretaria de Cultura da Prefeitura de Niterói.