O evento se destina à promover a integração Cultural e Social das famílias e adolescentes do bairro do Perequê em Guarujá através do Hip Hop, discutindo questões de gênero, sociais e raciais, bem como fortalecendo os vínculos familiares e territoriais. Diante disso o projeto atuará reunindo os adolescentes, as famílias e a comunidade do bairro de referência num encontro socioeducativo e realizando atividades inseridas na Cultura Hip Hop (Break, Rap, Discotecagem e Graffiti), além de apresentações teatrais, espaço infantil com histórias e brincadeiras, bem como uma rodas de conversa. Estamos com 14 apresentações musicais, 11 graffiteiras e 3 DJ’s confirmadas, ainda com a batalha de break, 2 apresentações teatrais e uma roda de conversa sob o tema: “A importância do Feminismo no Hip Hop”, também confirmadas. A organização é composta pelas integrantes do coletivo FRMH2-BS que são Aline Benedito (Fixxa), Juliana do Espírito Santo, Juliana Vasconcelos (Jully), Kelly Anselmo e Olívia (A Forca). O coletivo parceiro Roda de Minas está na organização da batalha de break, portanto estamos trabalhando em conjunto. Contamos com a colaboração de moradores do bairro que se ofereceram para ajudar a cuidar das crianças, duas moradoras cederam suas casas para que possamos fazer os lanches e o evento todo se concentrará na Associação de Moradores do Perequê, espaço da comunidade que é aberto, tal qual uma praça, e se encontra em más condições de uso. A proposta de ocupação desse espaço se deu por parte dos próprios moradores e a proposta do evento foi extremamente bem recebida. Nos responsabilizamos com os convidados, já que não vamos pagar cachê, a oferecer alimentação e alojamento de sábado para domingo, visto que o evento tem previsão de encerrar tarde, não havendo condições de retorno, pois o bairro é extremamente afastado na cidade. Para a alimentação, até o momento, estamos trabalhando com doações, mas não tem sido o suficiente. No que se refere ao alojamento estamos conversando com os moradores para vermos um espaço onde estas pessoas poderão passar a noite, não estando nada definido ainda.

Pretendemos durante este mês de fevereiro resolver todos estes impasses e a bolsa do LABxS nos permitirá realizar esta atividade com recursos concretos, proporcionando o melhor da cultura Hip Hop para a comunidade do Perequê.

Participantes:
Juliana Santos Alves de Vasconcelos
Aline Benedito (Fixxa)
Juliana do Espírito Santo
Kelly Anselmo Ribeiro Silva
Olívia A Forca

Área de atuação: Ação Comunitária; Cultura Periférica; Igualdade Racial, Feminismo.

Facebook: https://www.facebook.com/FRMH2-BS-1712524292395994