A primeira Assembleia do LABxS (Lab Santista)  reuniu a equipe do Instituto Procomum e do Lab Santista e representantes dos diferentes projetos do espaço para criar protocolos de uso do espaço e compartilhar agenda de tarefas e cuidado no dia 6 de agosto de 2018.

Além da equipe do IP e LAbxS, participaram da reunião os grupos de trabalho de Permacultura, Cultura Hacker, Memória e Negritude, HUBxS (Hub Santista), artistas da A Colaboradora, Fernando Hermógenes e Santiago Cao, residentes do Programa Residências LABxS e colaboradores do espaço.

“O objetivo da primeira reunião foi criar uma rotina permanente de encontros para que possamos nos conhecer, nos escutar e construir coletivamente os acordos e protocolos do Lab Santista, ou seja, construir coletivamente o nosso Lab Cidadão”, contou Georgia Nicolau, diretora do IP, e responsável pela moderação.

A equipe do IP e do LABxS também preparou uma apresentação sobre os conceitos de Inovação Cidadã e do Comum, realizada por Rodrigo Savazoni, diretor do IP e coordenador do LABxS.

E uma fala sobre o funcionamento e política da programação do LABxS, realizado por Marina Pereira, produtora do IP e coordenadora de programação do LABxS.

Clique aqui para ler o relato completo da apresentação da equipe do IP e LABxS.

Dinâmica da assembleia

A moderação da assembleia questionou os participantes a propor quais os temas que gostariam de discutir sobre o LABxS. E também sobre as suas principais dúvidas, inquietudes e pautas que gostariam de propor para discussão ou realização.

Os participantes foram separados em duplas e as duplas formaram grupos para encaminhar as sugestões e pautas sugeridas.

A plenária escutou as sugestões e organizou quatro grupos temáticos: cuidado, segurança, acolhimento e sustentabilidade financeira.

Cada grupo tinha um guardião e todas os participantes podiam passam por todos os grupos para deixar sugestões e pautas.

Clique aqui para ver as principais deliberações da reunião.